Acesse o Portal CIIC

Migração e comunicação são temas da reunião da Rede Santa Paulina de Assistência Social

As assistentes sociais e Irmãs responsáveis pelas unidades da Rede Santa Paulina de Assistência Social – Educandário Sagrada Família (São Paulo – SP), Casa da Sagrada Família (Campos do Jordão – SP), Centro de Assistência Social Tecendo a Vida (Belo Horizonte – MG), Lar dos Velhinhos (Maringá – PR), Lar São Roque (Diamantino – MT) e Casa de Acolhimento Santa Paulina (Itajaí – SC) – reuniram-se no Centro de Formação Sagrada Família, em São Paulo (SP), entre os dias 16 e 18 de maio, para formação sobre migração e comunicação, apresentação de indicadores, troca de experiências e reflexão sobre os serviços prestados.

A migração de pessoas em busca de novas possibilidades de sobrevivência, devido às crises econômica, política, social e cultural, é cada vez mais comum. Por esse motivo, a Congregação das Irmãzinhas da Imaculada Conceição, preocupada com a formação das assistentes sociais, convidou Irmã Rosinha Martins, jornalista e missionária scalabriniana, para aprofundar o fenômeno das migrações na atualidade, suas causas, consequências e desafios. “É preciso ter um olhar crítico sobre o que a imprensa fala em relação à migração. A diferença não pode provocar raiva ou ódio. Temos que mudar a forma de ver o diferente, não apenas o migrante, mas todos os que estão ao nosso redor. Como é meu olhar para as pessoas?”, refletiu Irmã Rosinha. Para aprofundar ainda mais o conhecimento sobre a migração, o grupo fez uma visita técnica ao Museu da Imigração do Estado de São Paulo, no bairro da Mooca.

Antes de iniciar os trabalhos, na quarta-feira (17), as assistentes sociais visitaram o Memorial Santa Paulina, onde fizeram a oração da manhã, lembrando o testemunho deixado pela fundadora da Congregação no serviço aos mais necessitados.

Para falar sobre comunicação, o grupo contou com a assessoria de Juliano Kimura, fundador da Trianons, laboratório de inovação digital, que refletiu sobre as possibilidades que a internet oferece e explicou como atrair mais visitantes para as páginas do Facebook. Em seguida, os colaboradores Renata Garcia (Comunicação e Marketing) e Felipe Alves (Tecnologia da Informação) analisaram a comunicação nas unidades e apresentaram possibilidades para dar mais visibilidade ao trabalho, engajar um maior número de pessoas e, com isso, captar mais recursos para a manutenção do serviço, usando a tecnologia.

O último dia de reunião (18) começou com a celebração eucarística na capela da Sede Geral, agradecendo pelos 15 anos canonização de Santa Paulina e rezando por todas as organizações que atuam no combate à exploração sexual de crianças. Após a missa, as unidades apresentaram os indicadores do primeiro trimestre deste ano e encaminharam algumas mudanças a serem feitas para uma análise mais detalhada desses dados. A próxima reunião do grupo está agendada para o mês de outubro.